E-book "Profissão: EU!"

E-book "Profissão: EU!"
Da autora do blog "Nodo Ascendente", já à venda em raquelfialho.com

segunda-feira, 13 de agosto de 2007

Tarot - VI. Os Enamorados

Mal fora iniciada a secreta viagem
Um deus me segredou que eu não iria só

Por isso a cada vulto os sentidos reagem,
Supondo ser a luz que deus me segredou.

David Mourão Ferreira, Inscrições sobre as Ondas in A Secreta Viagem (1950)


Simbologia e Arquétipo

No baralho Rider-Waite, um anjo ou cupido paira sobre um homem e uma mulher – Adão e Eva -, ladeados por duas árvores, uma delas com maçãs e uma serpente. Noutros baralhos, uma das árvores tem flores e a outra frutos, e é possível ainda encontrar versões desta carta nas quais figura um homem entre duas mulheres.

Esta carta simboliza o desejo instintivo do ser humano que o move na busca de uma “alma gémea”, de alguém com quem possa estabelecer um relacionamento e partilhar a vida.


A Viagem do Louco

O Louco chega a uma encruzilhada. Sente-se pleno de energia e confiança, sabe exactamente o que quer, onde ir, e o que fazer. No entanto, pára neste ponto do percurso, onde deve decidir-se entre dois caminhos. Uma árvore em flor marca o caminho que ele deseja seguir, o caminho que planeou para si. Mas, no outro lado, está uma árvore com frutos, e uma mulher. O Louco já teve relacionamentos com outras mulheres, algumas muito mais belas e sedutoras que esta. Mas esta é diferente. Ao vê-la, sente que o seu coração foi trespassado por uma seta do Cupido: a sensação é de choque, quase dolorosa. Ao falar com ela, a emoção intensifica-se. É como se tivesse encontrado uma parte de si próprio que andava desaparecida, e pela qual procurou durante toda a sua vida. Torna-se óbvio de que ela sente o mesmo. Terminam as frases um do outro, têm os mesmos pensamentos, como se um anjo tivesse apresentado as suas almas uma à outra. Embora planeasse seguir o caminho da árvore em flor, e embora lhe cause algum transtorno levar uma mulher consigo no restante da viagem seguindo um caminho totalmente diferente, o Louco não se atreve a deixá-la para trás. Como a árvore com frutos, ela irá satisfazê-lo completamente. Não importa o quão distante ele vá ficar do seu objectivo inicial: ela é o seu futuro. O Louco escolhe-a, e juntos iniciam um percurso inteiramente novo.





Os Enamorados no Baralho World Spirit (Lo Scarbeo, 2006)








Notas Interpretativas

Originalmente, esta carta era designada apenas por “Amor”, o que talvez seja mais adequado do que “Os Enamorados”. O Amor é consequência do crescimento, da maturidade. É a força que nos faz escolher e decidir por razões que frequentemente não compreendemos; faz-nos render a nossa vontade a um poder superior. Esta carta fala no encontro de duas pessoas que fazem parte uma da outra, que estão numa sintonia tão perfeita que é impossível resistir à atracção. Curiosamente, a carta dos Enamorados é governada por Gémeos, um signo racional e não emocional. Isto porque se trata aqui da comunicação perfeita, de encontrar algo pelo qual a alma anseia.





Os Enamorados no Baralho Fey (Lo Scarabeo, 2002)







Numa leitura, esta carta sugere normalmente que o Querente está (ou estará em breve) perante uma escolha: uma pessoa, uma carreira, um desafio, alguma coisa pela qual se irá apaixonar. Saberá instintivamente que o que tem a fazer, mesmo que isso signifique divergir daquilo que havia planeado inicialmente. Independentemente da opinião das outras pessoas, deve confiar em si próprio para tomar a decisão. Quaisquer que sejam as dificuldades, apenas importa saber que, sem a escolha certa, nunca se sentirá completo.

2 comentários:

  1. Adorei a interpretação desta carta, bem diferente das quais já vi. Bem mais clara e me ajudou muito.

    ResponderEliminar
  2. Tenho certeza,que encontro hoje meu companheiro.Este que aguardo c/a alma e alegria do reencontro.Obrigada.Assim é,Está feito.

    ResponderEliminar